Asma em atletas olímpicos: como eles lidam com a doença

asma asma em atletas atletas asmáticos

4 de Outubro de 2016

Com base nos dados das últimas olimpíadas, um estudo da University of Western Austrália identificou que a asma atinge 8% do total de atletas olímpicos. Isso faz da asma a doença crônica mais comum entre eles.1

O número de atletas vencedores que portam a doença é grande e conta com medalhistas olímpicos, mostrando que a doença não impede a prática de esportes de alto rendimento. Grande parte desses competidores são nadadores que entraram para o esporte com a intenção de melhorar a asma2,3,4.

Contraditoriamente, em alguns casos, a asma pode ser causada pela prática de esportes. Fato esse que acontece pelo excesso de exercício, geralmente, em lugares frios. Depois de certo tempo de atividade, tende-se a respirar pela boca mais vezes, aumentando a inalação de ar frio, provocando irritação nos brônquios e uma crise de asma.  Nos esportes de resistência, muitos atletas desenvolvem asma tardiamente levando a observação de que anos de treinamento intenso podem prejudicar os pulmões1,3,4.

Um outro ponto que causa preocupação nos atletas que possuem asma é o controle antidoping. Nesse caso, se o atleta necessita fazer uso de medicamentos para asma, os órgãos responsáveis devem ser informados sobre o início do tratamento. Durante esse período, ele não ficará sujeito às sanções do controle desde que faça o uso controlado dos medicamentos, respeitando as taxas permitidas pelas organizações5.

Superação e vitória! É possível ficar entre os melhores do mundo, mesmo quando se tem asma. A doença não é um obstáculo para uma carreira ou para a realização de uma grande conquista3.

Referências

1. PNEUMO LABORATÓRIO DA RESPIRAÇÃO. A doença crônica mais comum entre atletas olímpicos é a asma. Disponível em: www.pneumolab.com.br/a-doenca-cronica-mais-comum-entre-atletas-olimpicos-e-a-asma. Acesso em: 24 ago. 2016.

2. COMICB. Asma: o mais prevalente Estado entre os atletas olímpicos. Disponível em: www.comicb.com/asma-o-mais-prevalente-estado-entre-os-atletas-olimpicos/ . Acesso em: 24 ago. 2016

3. PARA QUE NÃO LHE FALTE O AR. Número de atletas olímpicos com asma tem vindo a aumentar. Disponível em: www.paraquenaolhefalteoar.com/artigo/numero-de-atletas-olimpicos-com-asma-tem-vindo-a-aumentar/ . Acesso em 24 ago. 2016.

4. DRAUZIO VARELLA. Asma. Disponível em: drauziovarella.com.br/entrevistas-2/asma-5/ . Acesso em 24 ago. 2016.

5. MUNDO TRI. Diagnóstico e tratamento da asma em atletas . Disponível em: www.mundotri.com.br/guia-asma-induzida-por-exercicio-fisico/diagnostico-e-tratamento-da-asma-em-atletas/ . Acesso em 24 ago. 2016.

Cod.: BR/AST/0020/16 – SET 16

POST ANTERIOR

Programa Farmácia Popular, um benefício para todos

PRÓXIMO POST

Além dos sintomas clássicos, a rinite alérgica apresenta outros sinais

Comentários (6)

| Quero comentar também

GSK | 17 de Abril de 2017

Olá, Gregório! Obrigada por participar do nosso blog! Asma é uma doença crônica bastante comum, que afeta as vias respiratórias nos pulmões, já a DPOC, Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica, era comumente chamada de bronquite crônica ou enfisema e, por essa razão, muitos não a conhecem por esta sigla. O enfisema faz com que o pulmão perca sua elasticidade, fazendo com que o indivíduo sinta falta de ar mais intensa. A bronquite crônica tem como sua principal causa o tabagismo (fumo). A doença ocorre quando a mucosa dos brônquios fica constantemente irritada e inflamada, causando uma tosse contínua, também com catarro, além de chiado no peito. Os brônquios ficam mais suscetíveis a infecções causadas por vírus e bactérias oportunistas, o que pode agravar os sintomas. Por mais que os sintomas das doenças sejam parecidos, é muito importante consultar um médico especialista, pois somente ele pode avaliar o seu caso clinicamente. Fique à vontade para navegar e aproveitar todas as dicas nos posts. Um abraço, Equipe Blog Chega de Asma e Rinite GSK

Gregório | 14 de Abril de 2017

Olá. Estou pensando em fazer um concurso público, mas o edital prevê que portadores de DPOC não poderão assumir os cargos. Sou asmático e gostaria de saber se também estou impedido de assumir esses cargos? Obrigado

GSK | 13 de Janeiro de 2017

Olá Arlete! A GSK fica feliz em poder ajudar! Nosso compromisso é fazer com que as pessoas possam viver mais, fazer mais e sentir-se melhor! Para acompanhar nossas publicações, é só navegar e aproveitar todas as dicas dos posts. Um abraço, Equipe Blog Chega de Asma e Rinite GSK

arlete | 12 de Janeiro de 2017

muito esclarecedor o artigo

GSK | 4 de Janeiro de 2017

Olá Maria Teresa! A DPOC (Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica) acomete os pulmões, provocando tosse, catarro e falta de ar. A DPOC é resultado da interação entre fatores genéticos e ambientais. A exposição à fumaça de tabaco é o principal fator ambiental de risco à doença. De 80% a 90% dos casos de DPOC ocorrem em fumantes ou ex-fumantes e os 10% restantes são indivíduos que estiveram expostos em ambientes com pó ou gases nocivos. Frequentemente, a doença acomete indivíduos com mais de 40 anos que na maioria dos casos são fumantes ou ex-fumantes. A mesma é previsível e tratável, suspender o uso de tabaco por exemplo, é parte obrigatória do tratamento. Já a ASMA, é uma doença crônica bastante comum, que afeta as vias respiratórias nos pulmões. A asma não tem cura, mas pode ser tratada para que os sintomas interfiram pouco na qualidade de vida de quem convive com a doença. Os principais sintomas da asma são falta de ar, tosse, chiado e sensação de aperto no peito. Para o tratamento adequado da asma, é extremamente importante o constante acompanhamento médico, mesmo quando a pessoa não estiver apresentando os sintomas, pois a doença pode se manifestar de forma diferente ao longo da vida. Para maiores esclarecimentos, é muito importante consultar um médico especialista, pois o mesmo poderá lhe orientar da melhor forma. Para acompanhar nossas publicações, é só navegar e aproveitar todas as dicas dos posts. Um abraço, Equipe Blog Chega de Asma e Rinite GSK

.Maria Teresa Macedo Ximenes | 3 de Janeiro de 2017

Gostaria de saber se asma e DPOC são a mesma doença ,pois fui diagnosticada com as duas e faco tto de câncer no pulmão

Envie seu comentário

Seu e-mail não será publicado
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.